Como contatar uma empresa via e-mail? (Parte 1)

Contatar uma empresa via e-mail ainda é um campo minado para algumas pessoas.

Mesmo com o crescimento da utilização das redes sociais como canal ativo de comunicação com o público, muitas empresas ainda utilizam o e-mail para estabelecer e manter contato com pessoas e outras empresas.

O tom da linguagem, o conteúdo e a formatação são elementos importantíssimos na construção de um e-mail, e muitos candidatos têm dúvida de como balancear essas variáveis e conseguir fazer uma abordagem assertiva.

No post de hoje, vamos dar algumas dicas sobre como você pode conseguir uma comunicação eficaz através do e-mail, tomando cuidado com os elementos que podem fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso do seu contato.

 

O endereço

Antes de começarmos a falar propriamente de como construir o seu e-mail e conseguir uma boa abordagem através dele, temos uma pergunta: seu endereço de e-mail te prejudica de alguma forma?

Se seu endereço de e-mail é difícil de ser escrito, é muito longo, tem muitos caracteres especiais (underlines, traços, pontos e outros símbolos) ou, ainda, se contém termos pejorativos ou apelidos grosseiros, você já tem um problema para resolver.

Um ponto que já pode contar a seu favor ao contatar uma empresa via e-mail é ter um endereço de e-mail curto, simples e claro. Quanto mais objetivo e fácil de entender (e escrever), melhor!

Se seu nome é Paulo Souza, por exemplo, tente endereços como paulosouza, psouza, p.souza, souzapaulo, s.paulo ou spaulo. Se nenhum dos endereços que você tentar no início estiver disponível, tente mais algumas inversões, ou inclua números de até dois algarismos, porém fique atento para que o endereço não ultrapasse os 15 caracteres.

 

O título

Os motivos para contatar uma empresa via e-mail pela primeira vez podem ser vários. A candidatura a uma vaga específica ou o desejo de conhecer mais sobre uma determinada companhia são exemplos que costumamos ver com mais frequência.

Em um e-mail de apresentação, o primeiro ponto a ser pensado é o título. Afinal, você não quer que seu e-mail passe despercebido pela caixa de entrada do seu destinatário e vá para o lixo, não é? Sempre que possível, seja criativo e tente chamar a atenção da pessoa que deve ler o seu e-mail já no título.

Infelizmente, nem sempre a criatividade pode ser tão explorada neste momento.

Uma boa parcela das empresas determinam o termo que deve ser utilizado no campo de assunto do e-mail que você irá enviar.

Haverá casos em que a linguagem que a empresa utiliza para se comunicar com seu público é bastante formal e isso também pode acabar restringindo suas possibilidades.

Você também deve considerar o tamanho do título do seu e-mail. Quando o e-mail é lido na tela de um computador, apenas os primeiros 50 caracteres são exibidos. Se o e-mail for lido na tela de um smartphone, o destinatário só verá os primeiros 30 caracteres que compõem o título do seu e-mail.

Portanto, além de ser criativo e alinhado à linguagem da empresa, você também precisa ser claro no título.

Expresse sua ideia e dê uma prévia do conteúdo do seu e-mail de forma que o destinatário consiga saber, através do título, do que se trata o seu e-mail e qual o motivo do seu contato.

 

No próximo post, explicaremos como você deve estruturar o conteúdo do seu discurso ao contatar uma empresa via e-mail. Enquanto isso, que tal compartilhar este post com seus amigos no Facebook?